Please use this identifier to cite or link to this item: http://ri.ucsal.br:8080/jspui/handle/123456730/117
metadata.dc.type: Dissertação
Title: O envolvimento do padrasto nos cuidados e educação de seu/sua enteado/a: estudo de casos múltiplos no contexto de classe média de Salvador/Ba
metadata.dc.creator: Pereira, Indiara da Silva
metadata.dc.contributor.advisor1: Moreira, Lúcia Vaz de Campos
metadata.dc.contributor.referee1: Porreca, Wladimir
metadata.dc.contributor.referee2: Barbosa, Camilo de Lelis Colani
metadata.dc.description.resumo: O presente estudo de mestrado tem como objetivo conhecer o envolvimento do padrasto nos cuidados e educação de seu/sua enteado/a, com faixa etária de seis a 10 anos, no contexto de classe média de Salvador. Para atingi-lo foi feita uma pesquisa qualitativa, mais especificamente, um estudo de casos múltiplos. Foram entrevistados quatro padrastos de enteados com idades entre seis e dez anos, que residiam em Salvador, eram de classe média, tinham nível superior de escolaridade e tinham pelo menos dois anos de união conjugal com a mãe do/a enteado/a. Para a coleta de dados, foi construído um roteiro de entrevista com questões abertas. Os dados obtidos foram analisados de forma descritiva. O estudo foi aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa da UCSal e os participantes assinaram Termo de Consentimento Livre e Esclarecido. Os principais resultados encontrados foram: constatou-se que principalmente às mães e, na sequência,aos padrastos eram atribuídas as responsabilidades desde educar, cuidar e transmitir afeto às crianças. Nos casos estudados, as despesas ficavam por conta da mãe ou dela e do padrasto conjuntamente ou, ainda, a cargo dela e do pai biológico das crianças; verificou-se que os padrastos interagem com seu/sua enteado/a principalmente nos finais de semana e no período noturno. Conforme os entrevistados, as pessoas disponíveis para atender as demandas dos enteados são principalmente: eles (padrastos) e as mães das crianças. Todos os padrastos se consideram disponíveis aos enteados, com exceção de quando eles têm compromissos profissionais, nessas condições solicitam a família extensa (os avós maternos, madrinhas, primos) ou, em alguns casos, o pai biológico dos enteados.O relacionamento do padrasto e seu/sua enteado/a, em todos os casos estudados se dá de modo positivo, havendo um envolvimento alto entre eles, em termos de interação e disponibilidade. No entanto, cabe destacar que ser padrasto é ser um pai sem ser, como bem resumiu um dos entrevistados. Ademais, todos se consideram responsáveis pela educação e pelos cuidados do/da enteado/a; constatou-se que há uma distinção no papel de padrasto e de pai biológico do/da enteado/a na educação e no cuidado dele/a, pois havia baixo envolvimento dos genitores com suas crianças esua ausência na vida delas enfraquecia o vínculo entre eles. Sendo assim, os padrastos estudados assumiam várias das funções comumente atribuídas aos pais biológicos, no entanto,eles não tinham clareza quanto aos limites do seu papel.
Abstract: The purpose of this study is to evaluate the involvement of the stepfather in the care and education of his stepchildren ,agedbeteween six and 10 years, in middle-class context at Salvador. To achieve it, a qualitative survey was made, more specifically, a multiple case study. Four stepfathers of stepchildren aged beteween six and ten years old, were interviewed.They´ve lived in Salvador, they´ve belonged to middle class and had higher levels of education and got at least two years of conjugal union with the stepchildren´s mother. It was prepared an interview script with open questions. Data were analyzed descriptively for data collection. The study was approved by the Research Ethics Committee of UCSal and the participants signed a consent term. The main findings were: as a result, it was found that mostly mothers and the stepfathers were assigned the responsibility to educate, care for and give affection to children. In the studied cases, the costs were for responsability of the mother and stepfather together or the biological father of the children; the stepfathers interact with his stepchildren, specially on weekends and at night. According to the interviewees, who are available to meet the needs of stepchildren are basically: they (stepparents) and children´s mothers. All stepparents are considered available for the stepchildren, except when they have work obligations, in this conditions they ask for help to the extended family (maternal grandmothers, godmothers, cousins) or, in some cases, the stepchildren´s biological father. The relationship of the stepfather and his stepchildren, in all cases studied happens in a positive way, with a high involvement between them in terms of interaction and availability. However, it´s worthy mentioning that be stepfather is to be a father without being, as described by one of the interviewees. Moreover, all of them consider themselves responsible for the education and care of them stepchildren; there is a distinction in the stepfather and biological father role in the education and care of stepchildren, because there was low involvement of biological fathers with their children and this absence in the children lives weakened the bond between them. Therefore, stepparents analized assumed many of the functions generally attributed to biological fathers, however, they were not clear about the limits of their role.
Keywords: Envolvimento paterno
Padrasto
Família reconstituída
Parental involvement
Stepfather
Reconstituted family
metadata.dc.subject.cnpq: Sociais e Humanidades
Multidisciplinar
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Catolica de Salvador
metadata.dc.publisher.initials: UCSAL
metadata.dc.publisher.department: Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação
metadata.dc.publisher.program: Família na Sociedade Contemporânea
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: http://ri.ucsal.br:8080/jspui/handle/123456730/117
Issue Date: 15-Dec-2015
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
PEREIRA, IS-2015.pdf1.49 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.