Please use this identifier to cite or link to this item: http://ri.ucsal.br:8080/jspui/handle/123456730/87
metadata.dc.type: Dissertação
Title: De casa para a rua e da rua para casa: implicações e interações família e trabalho
Authors: Souza, Cinthia Barreto Santos
metadata.dc.creator: Souza, Cinthia Barreto Santos
metadata.dc.contributor.advisor1: Moreira, Lúcia Vaz de Campos
metadata.dc.contributor.referee1: Alcântara, Miriã Alves Ramos de
metadata.dc.contributor.referee2: Reis, Lilian Perdigão Caixêta
metadata.dc.description.resumo: A pesquisa “De casa para a rua e da rua para casa: implicações e interações família e trabalho” objetivou identificar como os casais com filhos pequenos estão organizando-se para conciliar família, vida conjugal, cuidados com os filhos e realização profissional. A relação entre as duas esferas tem estimulado dificuldades que aparentam ter efeitos negativos em vários níveis: saúde, bem-estar individual, familiar e conjugal, além da produtividade no trabalho. Tal fato aponta para a relevância desse projeto, pois ele investiga as influências de recursos externos e internos que facilitam a compatibilidade da vida familiar e trabalho profissional. Trata-se de um estudo quantitativo que teve como participantes 30 pais e 30 mães, totalizando 30 casais que convivem juntos e têm filho(s) com idades entre dois e cinco anos. Foi realizada em Santo Antonio de Jesus, cidade do interior da Bahia, com os pais de uma escola particular. Como instrumento de coleta de dados, usouse um questionário adaptado a partir do roteiro construído no Projeto FAMWORK. Foram focadas as interações e conciliações família e trabalho, a partir dos segmentos: profissão: realização, satisfação, organização e influências família e trabalho; divisão de tarefas: conflitos e negociações para conciliar demandas familiares e profissionais; vida familiar: relações casal e pais e filhos; conciliação: estratégias orientadas para a vida comum e vida pessoal. Houve aprovação do trabalho por Comitê de Ética em Pesquisa. Na sequência, procedeu-se o sorteio de 20,0% dos alunos matriculados na Educação Infantil da referida escola. Foi então entregue aos pais desses alunos os questionários a serem respondidos, juntamente com o termo de consentimento livre e esclarecido. Os dados obtidos foram analisados utilizando o programa Satatistical Package for the Social Sciences (SPSS). Para as questões abertas estabeleceu-se categorias a partir das respostas encontradas. Obteve-se como resultados: os casais trabalham em turno integral, vivenciam relações conjugais, parentais e profissionais e reconhecem interesses individuais, enquanto desenvolvem estratégias de conciliação entre trabalho e família. Os participantes conhecem as implicações e interações entre as duas esferas: família e trabalho, bem como, a centralidade delas na vida pessoal. Neste sentido, pais e mães buscam dividir tarefas familiares, apoiar-se em familiares e apoios externos (babás, escola/instituição de educação infantil), como principais estratégias de conciliação. Fazem revezamento de horários entre os pares, procuram redução de carga horária de trabalho, planejam e organizam horários, agendas e tarefas, distribuindo obrigações. As famílias têm buscado apoio familiar e institucional para a prole e investem na babá como colaboradora na tarefa. Finalmente, conclui-se que existe um esforço real entre os casais e profissionais para conciliar família e trabalho. Entretanto diante da complexidade e densidade de fatores que circulam no entorno da questão, verifica-se a necessidade de outros estudos que aprofundem os focos salientes e ampliem os resultados aqui obtidos.
Abstract: This research titled “From Home to the Street and from the Street to Home: Family and Work Implications and Interactions has as aim to identify how couples with little children organize themselves to conciliate family, marriage life, care with the sons and professional fulfillment. It is characterized for being a quantitative study that has 30 (thirty) fathers and 30 (thirty) mothers as participants of the research. It was developed in Santo Antonio de Jesus, an interior city of Bahia with parents from a private school. The method consisted of a questionnaire adapted from the schedule of the FAMWORK Project. It is focused family and work interactions and conciliations from the following segments: family and work: profession, fulfillment, satisfaction, organization and influence; division of duties: conflicts and negotiations to conciliate families and professionals contests; family life: married couple relationships, parents and sons; conciliations: oriented strategies to a common life and a personal life. It has already approved by Ethics Committee of Research. There was a selection by raffle of 20% (twenty percent) of registered students of Kindergarten of the mentioned school. The students` parents answered the questionnaire together with the term of free and clarified agreement. The data were analyzed by the Statistical Package for the Social Sciences (SPSS). The open questions were elaborated by categories from the given answers. The results were: couples with an eight-hour workday, to live together establishing marriages, relatives and professional relationships and recognizing individual interests while they develop strategies of conciliation between work and family. The participants recognize the implications and interactions between the two spheres: family and work and the centralization of both for the personal life. In this sense, fathers and mothers look for to divide the family duties with the help of relatives and external support (babysitter, school/institution of kindergarten) as principal strategies of conciliation. They arranged to take turns looking for to reduce the eight-hour workday, they plan and organize schedule, agenda and duties distributing the obligations. In conclusion, there is a real effort of both, the couples and professionals to conciliate family and work. It was observed that they are dividing the duties but the majority of the obligations in relation to the care with the sons, the mothers are responsible for them. The families are looking for help from relatives and institutions and they invest in a babysitter as a helper of their families. This verifies the necessity of other studies to become deep and extend the results obtained in this work.
Keywords: Família
Trabalho
Interação
Conciliação
Family
Work
Interaction
Conciliation
metadata.dc.subject.cnpq: Sociais e Humanidades
Multidisciplinar
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Catolica de Salvador
metadata.dc.publisher.initials: UCSAL
metadata.dc.publisher.department: Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação
metadata.dc.publisher.program: Família na Sociedade Contemporânea
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: http://ri.ucsal.br:8080/jspui/handle/123456730/87
Issue Date: 23-Feb-2012
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
CINTHIA BARRETO SANTOS SOUZA.pdfDe casa para a rua e da rua para casa: implicações e interações família e trabalho2.99 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.