Please use this identifier to cite or link to this item: http://ri.ucsal.br:8080/jspui/handle/prefix/852
metadata.dc.type: Tese
Title: A velhice: olhares das pessoas idosas e seus familiares
metadata.dc.creator: Ferreira, Marilaine Matos de Menezes
metadata.dc.contributor.advisor1: Rabinovich, Elaine Pedreira
metadata.dc.contributor.referee1: Motta, Alda Britto da
metadata.dc.contributor.referee2: Maurício, Maria Deolinda Antunes Luz Lopes Dias
metadata.dc.contributor.referee3: SIlva, Cirlene Francisca Sales da
metadata.dc.contributor.referee4: Moreira, Lúcia Vaz de Campos
metadata.dc.description.resumo: Este estudo abordou o envelhecimento a partir da análise das narrativas das pessoas idosas e de seus familiares. Como delineamento da pesquisa teve-se um estudo exploratório, descritivo e de abordagem qualitativa. O objetivo deste estudo foi compreender como a pessoa idosa e seus familiares percebem o envelhecimento e de que forma o mesmo impacta na sua qualidade de vida e nas suas relações familiares. Para a coleta de dados, realizamos entrevistas livres, obtendo as narrativas dos familiares a partir de três questões norteadoras. Já com a pessoa idosa, além de duas questões norteadoras, utilizamos uma atividade com expressões chaves onde os mesmos discorreram sobre as unidades de análise, selecionadas a priori a partir de leituras em publicações sobre envelhecimento. Por meio dessas narrativas podemos compreender o fenômeno sob os olhares das pessoas idosas e de seus familiares. A seleção dos participantes foi por critério de acessibilidade e conveniência, tendo idade a partir de setenta e cinco anos, sem qualquer distinção de gênero, nível de instrução, etnia ou nível socioeconômico. Foi requerido que os mesmos tivessem em condições cognitivas para compreender as proposições do estudo, e discorrer sua narrativa com coerência. Utilizamos como método de análise, a Análise de Conteúdo, a qual permitiu revelar as seguintes dimensões: percepção sobre o envelhecimento; qualidade de vida na velhice; relações familiares na velhice. As pessoas idosas e seus familiares perceberam o envelhecimento como um “processo natural”, e que as doenças que repercutiram na mobilidade e na ocorrência de dores foram consideradas típicas do envelhecimento. O envelhecimento impactou na satisfação das pessoas idosas no que diz respeito à sua vida cotidiana. Os fatores que influenciaram na qualidade de vida foram: saúde física, nível de independência, poder decidir e controlar a sua vida, necessidade de realizar atividades físicas e de lazer. Não houve comprometimento das relações familiares na velhice, sendo considerado que essa é uma fase de aproximação dos familiares. Também foram discutidas as unidades de análise, destacando -se: corpo, relações familiares, socialização, perdas e invisibilidade da velhice. Importante salientar que a pesquisa não resultou de discursos homogêneos. Ao contrário, quando investigamos a percepção dos idosos e de seus familiares, defrontamo-nos com uma diversidade de narrativas merecedoras de maiores aprofundamentos.
Abstract: This research approaches to aging from the analysis of the narratives of the elderly and their relatives. An exploratory, descriptive and qualitative approach has been carried out as the research design. The purpose of this study was to understand how the elderly person and their families perceive the aging and how it impacts their quality of life and family relations. For the data collection, we conducted free interviews, obtaining the narratives of the relatives from three guiding questions. With the elderly person, besides two generative questions of narratives, we used an activity with key expressions where they discussed the units of analysis, selected a priori from readings in publications about aging. Through these narratives we can comprehend the phenomenon from the perspective of the elderlies and their relatives. The participants' selection was by criterion of accessibility and convenience, being aged from at least seventy-five years, without any distinction of gender, educational level, ethnicity or socioeconomic status. They were required to have the cognitive conditions to understand the study's propositions, and to discuss their narrative coherently. We used as data analysis method, Content Analysis, which revealed the following dimensions: perception about aging; quality of life in old age; family relationships in old age. The elderlies and their families perceived aging as a "natural process," and diseases that affected mobility and the occurrence of pain were considered typical of aging. Aging has impacted older people's satisfaction with their daily lives. The factors that influenced the quality of life were: physical health, level of independence, being able to decide and to control their life, possibility to perform physical and leisure activities. There was no prejudice on family relationships in old age, being considered that this is a period of approximation of family members. Also were discussed the units of analysis highlighting: body, family relationships, socialization, losses and invisibility of old age. It is important to emphasize that the research did not result from homogeneous discourses. On the contrary, when we investigated the perception of the elderlies and their families, we face a diversity of narratives worthy of further study.
Keywords: Família
Velhice
Envelhecimento
Pessoa idosa
Family
Old age
Aging
Elderly
metadata.dc.subject.cnpq: Sociais e Humanidades
Multidisciplinar
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Católica do Salvador
metadata.dc.publisher.initials: UCSAL
metadata.dc.publisher.department: Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação
metadata.dc.publisher.program: Família na Sociedade Contemporânea
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: http://ri.ucsal.br:8080/jspui/handle/prefix/852
Issue Date: 19-Mar-2019
Appears in Collections:Teses de Doutorado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TESEMARILAINEFERREIRA.pdf2.71 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.